terça-feira, 8 de agosto de 2017

Limpeza do reservatório garante qualidade da sua água

Você sabia que reservatórios de água devem ser limpos e higienizados pelo menos de seis em seis meses?
Solicite orçamento gratuitamente com atendimento 24hs por dia
Fone: (51) 3519-2477 | Whatsapp: (51) 99380-9502


Poucos se lembram da existência da caixa d’água, ainda mais de mantê-la limpa. Pois saiba que a recomendação é higienizar o reservatório doméstico a cada seis meses. O serviço é indicado para analisar se existe algum vazamento e preservar a saúde dos moradores da residência ou mesmo de um condomínio inteiro, já que o acúmulo de sujeira e micro-organismos pode contaminar a água.
A caixa d’água serve como reserva em caso de haver problema no abastecimento da Companhia de Saneamento. Com o passar do tempo, micro-organismos criados pela própria água e levados até o reservatório pela canalização da rede hidráulica podem comprometer a qualidade do líquido.
A Advento Desentupidora e Serviços Ambientais possui equipe treinada e equipamentos adequados para realizar este serviço com eficácia e segurança. Chame a Advento!

Política de gestão de resíduos praticada pela Advento

Advento Desentupidora em Porto Alegre possui uma política sustentável que é seguida com rigor respeitando leis e normas estabelecidas por instituições e órgãos como o Ministério do Meio Ambiente, a FEPAM-RS, o CREA-RS, o IBAMA e a ANVISA. Estas leis e normas dizem respeito ao descarte de resíduos coletados por nossos caminhões que são realizados de acordo com conceitos sustentáveis afim de proteger o meio ambiente e a sociedade de possíveis contaminações geradas por estes resíduos. Acreditamos que seguindo esse caminho ecologicamente correto estamos realizando nosso trabalho com excelência e contribuindo para a preservação do meio ambiente, ação esta que deve ser praticada por todos nós, sejam empresas ou pessoas.
Política Nacional de Gestão de Resíduos Sólidos
A Lei nº 12.305/10, que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) é bastante atual e contém instrumentos importantes para permitir o avanço necessário ao País no enfrentamento dos principais problemas ambientais, sociais e econômicos decorrentes do manejo inadequado dos resíduos sólidos.
Prevê a prevenção e a redução na geração de resíduos, tendo como proposta a prática de hábitos de consumo sustentável e um conjunto de instrumentos para propiciar o aumento da reciclagem e da reutilização dos resíduos sólidos (aquilo que tem valor econômico e pode ser reciclado ou reaproveitado) e a destinação ambientalmente adequada dos rejeitos (aquilo que não pode ser reciclado ou reutilizado).
Institui a responsabilidade compartilhada dos geradores de resíduos: dos fabricantes, importadores, distribuidores, comerciantes, o cidadão e titulares de serviços de manejo dos resíduos sólidos urbanos na Logística Reversa dos resíduos e embalagens pós-consumo e pós-consumo.
Cria metas importantes que irão contribuir para a eliminação dos lixões e institui instrumentos de planejamento nos níveis nacional, estadual, micro regional, intermunicipal e metropolitano e municipal; além de impor que os particulares elaborem seus Planos de Gerenciamento de Resíduos Sólidos.
Também coloca o Brasil em patamar de igualdade aos principais países desenvolvidos no que concerne ao marco legal e inova com a inclusão de catadoras e catadores de materiais recicláveis e reutilizáveis, tanto na Logística Reversa quando na Coleta Seletiva.
Além disso, os instrumentos da PNRS ajudarão o Brasil a atingir uma das metas do Plano Nacional sobre Mudança do Clima, que é de alcançar o índice de reciclagem de resíduos de 20% em 2015.