terça-feira, 15 de agosto de 2017

Essa é a Porto Alegre que você quer deixar para os seus filhos? Recuo do Rio Guaíba deixa amostra todo o descaso da população com descarte do lixo.

Recuo do Guaiba deixa amostra o lixo produzido pela população de Porto Alegre. Foto: Félix Zucco / Agencia RBS


O recuo da água do Guaíba no fim de semana deixou à mostra uma grande quantidade de lixo pela margem. O fenômeno foi provocado pelo vento forte, de 79 km/h, na direção Leste/Nordeste, que atingiu Porto Alegre por dois dias seguidos, e também pelo baixo volume de chuva nos últimos 60 dias. O resultado foi o menor nível da água do Guaíba nos últimos 12 anos.

O lixo que todos nós produzimos tornou-se um problema que precisa de respostas urgentes. Abandoná-lo causa a degradação do meio ambiente, com sua transformação em foco de propagação de doenças. Depositá-lo em aterros sanitários é uma das principais opções, mas antes disso é necessário fazer a separação e reaproveitar tudo o que possa ter um destino útil como matéria-prima. Reciclar tornou-se a palavra-chave para resolver este problema. E o primeiro passo é o desenvolvimento da nossa própria consciência, no sentido da urgente necessidade de preservar o nosso meio ambiente.
Recuo do Guaiba deixa amostra o lixo produzido pela população de Porto Alegre. Foto: Joel Vargas / DMLU

Se você estiver caminhando e encontrar uma latinha de refrigerante, garrafinha de água, saco plástico ou qualquer outro objeto jogado no meio da rua, recolha e jogue na lixeira correta. Pode parecer uma atitude simples, mas ela é o começo de uma vida mais sustentável, consciente e responsável.
Pode ser no meio da rua, na praia, no parque ou em qualquer outro lugar – assuma esta atitude e garanta que o lixo chegue ao seu destino correto.
Esses pequenos objetos, quando descartados incorretamente, podem causar diversos estragos ao meio ambiente e à própria cidade. Entupimento de bueiros, alagamentos, derramamento de substâncias tóxicas, contaminação de solo, rios, mares e lençóis freáticos, e até a morte de alguns animais podem ser causados pelo lixo jogado em qualquer lugar.
Faça sua parte e não deixe de passar essa lição adiante.
– Cidade suja
O lixo jogado na rua entope os bueiros e se acumula nas galerias subterrâneas para onde escoa a água da chuva, reduzindo sua vazão e causando inundações. Por isso, guarde seu lixo e jogue-o em uma lixeira de recicláveis.
– Gasto desnecessário
Os municípios investem milhões todos os anos no combate e na recuperação dos problemas causados por essas enchentes. Dinheiro este que poderia ser poupado e investido em outras áreas se houvesse um trabalho de prevenção e conscientização da população.
– Crime ambiental
A prática ainda é considerada crime ambiental, portanto, nada de jogar lixo nas ruas. Tenha responsabilidade sobre seus resíduos e faça descarte adequado deles.
Fontes: Envolverde e G1 RS